Home » Programação » [Tutorial] Primeiro Web App com Python e Flask

[Tutorial] Primeiro Web App com Python e Flask

Python é uma das linguagens mais versáteis dentro das aplicações atuais. Podemos encontrar aplicações em scripts de infraestrutura, computação científica, inteligência artificial e também um web app.

A criação de um web app com Python necessita de uma ajuda tornando o projeto bem simples. O ajudante é o Flask, um micro framework do Python. Ser um micro framework trás alguns benefícios para o projeto, pois possibilita flexibilizar quais outros frameworks poderão ser acoplados para proporcionar melhor desempenho.

Chega de conversa, vamos codar!
Primeiro passo é instalar o pacote do Flask no projeto, no terminal execute:

pip install flask

Agora crie um arquivo Python e digite o seguinte código:

Na linha 1, é realizada a importação da classe Flask definida no pacote flask.

Na linha 3 é criado um objeto Flask, o seu construtor recebe como parâmetro o nome da aplicação. Pode ser informado como uma string ou utilizando uma variável de ambiente __name__.

A linha 5, cria o servidor de aplicação do Flask e o executa. Por padrão, ele sobe na porta 5000. Então acesse o endereço: http://localhost:5000/

O resultado que deve-se obter é:

O problema da página não encontrada é devido a falta de configuração de um rota de acesso com o retorno do HTML desejado. Para isso, vamos definir um método e atribuir uma anotação de rota para o método. A rota raiz de qualquer página web é o “/”, e geralmente é definida pelo arquivo index. Utilizaremos esse mesmo padrão para definir o método principal.

Entre as linhas 6 e 8, está a definição do método com a rota para acesso. A função deve retornar um HTML para que seja renderizado pelo navegador.

Reiniciando o servidor e acessando o endereço novamente, chegamos ao seguinte resultado:

Agora sim! A mágica aconteceu!!!
Mas claro, que misturar código HTML com Python não é uma boa prática! No próximo post vamos descobrir como renderizar um arquivo HTML com Flask.

Até a próxima!
E que a força esteja com você!


Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *